contradições
tão simplórias
como o medo que dissipa o medo
a luz que ofusca o brilho
o escuro que nada esconde
e o amor que tudo conduz

Nenhum comentário:

Postar um comentário